O que significa o batismo dos mortos mencionado em 1 Coríntios 15.29?

"Se não há ressurreição, que farão aqueles que se batizam pelos mortos? Se absolutamente os mortos não ressuscitam, por que se batizam por eles?"  (1Co 15.29, NVI)

Inúmeras explicações, das mais ridículas às mais sofisticadas, já foram apresentadas sobre este versículo. O Mormonismo (A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias), em particular, afirma que este versículo defende sua visão quanto ao batismo dos mortos. Na prática, as pessoas vão ao seu templo Mórmon local e vestem-se apropriadamente para um batismo, adotando de forma representativa o nome da pessoa que morreu; assim, o mórmon é batizado na água no lugar da pessoa falecida, que cumpre desse modo as exigências necessárias para a sua salvação no mundo após a morte. E pode agora desfrutar de outros benefícios espirituais.

Contudo, os mórmons estão incorretos. Eles pegaram este texto e o utilizaram fora de contexto. Então, vamos examinar rapidamente 1Co. 15 para conferirmos sobre o que Paulo estava falando quando mencionou o batismo dos mortos.

Nos versículos 1-19, Paulo está contando em detalhes o evento da ressurreição de Cristo. Começando no versículo 20 até o 23, Paulo fala sobre a ordem dos acontecimentos da ressurreição. Cristo foi o primeiro a ressuscitar (em um corpo glorificado) e os próximos serão aqueles que pertencerem a ele quando retornar. Os versículos 24 - 29 falam sobre o reinado de Cristo e a abolição da morte. E então aparece este versículo controverso: "Se não há ressurreição, que farão aqueles que se batizam pelos mortos? Se absolutamente os mortos não ressuscitam, por que se batizam por eles?" 

Quase ao norte de Corinto havia uma cidade chamada Eleusis. Este era o local onde os seguidores de uma religião pagã praticavam o batismo no mar a fim de garantir uma boa vida após a morte. Esta religião foi mencionada por Homer no hino a Deméter 478-79.1 Sabia-se que os coríntios eram fortemente influenciados por outros costumes. Afinal, eles estavam numa área economicamente próspera frequentada por muitas pessoas diferentes. É possível que os coríntios estivessem sendo influenciados pelas práticas religiosas encontradas em Eleusis, onde o batismo dos mortos era praticado.

Paulo estava citando o batismo dos mortos como exemplo de prática dos pagãos  em  1Co 15.29 quando disse: "...Se, absolutamente, os mortos não ressuscitam, por que se batizam por causa deles?"  Paulo não disse nós.2

É importante ressaltar isto porque a Igreja Cristã não estava praticando o batismo dos mortos, mas sim os pagãos.

O argumento de Paulo era simples. A ressurreição é uma realidade que acontecerá quando Jesus voltar. Até mesmo os pagãos acreditam na ressurreição, do contrário, por que iriam se batizar pelos mortos?

Porém, muitos não estão convencidos deste argumento e afirmam que a palavra "eles" não está no texto grego e, portanto, Paulo não está se referindo aos pagãos. Vamos examinar:

A tradução literal do versículo é a seguinte: "O que fará o ser imerso em nome dos mortos se inteiramente mortos não são ressuscitados porque também eles são imersos em nome deles".

A chave aqui é a palavra "baptizontai", que significa "eles são batizados". O verbo está na terceira pessoa do plural do presente do indicativo, na voz passiva. Em outras palavras: ELES ESTÃO SENDO BATIZADOS ou ELES SÃO BATIZADOS.

Eu - 1ª pessoa do singular
Tu (Você) - 2ª pessoa do singular
Ele/Ela - 3ª pessoa do singular
Nós - 1ª pessoa do plural
Vós (Vocês) - 2ª pessoa do plural
Eles/Elas - 3ª pessoa do plural

É na última forma (eles/elas) que o verbo "batizar" se encontra. Portanto, a melhor tradução é: "ELES são batizados".

 

Este artigo também está disponível em: Espanhol

  • 1. Bible Knowledge Commentary on 1Co. 15.29.
  • 2. A Almeida RA traduz da seguinte maneira: "Doutra maneira, que farão os que se batizam por causa dos mortos? Se, absolutamente, os mortos não ressuscitam, por que se batizam por causa deles?: E a Almeida RC: "Doutra maneira, que farão os que se batizam pelos mortos, se absolutamente os mortos não ressuscitam? Por que se batizam eles, então, pelos mortos?"  E a NTLH diz: "Pensem agora nas pessoas que são batizadas em favor dos mortos: o que é que elas esperam conseguir? Se os mortos não são ressuscitados, por que é que essas pessoas se batizam em favor deles?"

 

 

 

 
 
CARM ison
 
 
CARM.org
Copyright 2014

CONTACT US:
CARM Office number: 208-466-1301
Office hours: M-F; 9-5 pm; Mountain Time
Email: [email protected]
Mailing Address: CARM, PO BOX 1353, Nampa ID 83653