Uma Rápida Olhada no Livro de Mórmon

Matt Slick – Tradução de Cíntia Allsup

 

De acordo com Joseph Smith, o Livro de Mórmon é mais correto do que a Bíblia (History of the Church, vol. 4, p. 461) e contém as verdades do Mormonismo. No entanto, se isso for verdade, então porque o Livro de Mórmon contradiz a teologia Mórmon?

Isso se deve porque a teologia de Joseph Smith só começou realmente a andar por caminhos tortuosos depois do Livro de Mórmon foi impresso. Afim de harmonizar sua teologia mutante com sua escritura impressa, os Mórmons foram, aos poucos, dando outros significados às palavras cristãs mais conhecidas. É por isso que a definição das palavras usadas pelos mórmons é diferente das usadas pelo Cristianismo. Leia “As Palavras do Mórmons não significam a mesma coisa” para maiores informações.

Orando sobre o Livro de Mórmon

Uma das coisas que os mórmons pedem para os possíveis convertidos fazerem é ler o Livro de Mórmon e, então, orar a Deus perguntando se o Livro de Mórmon é verdadeiro. Dizem que você receberá um testemunho do Espírito Santo confirmando a veracidade do Livro de Mórmon, que Joseph Smith é um profeta de Deus e que a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (SUD) é a igreja de Deus restaurada na Terra hoje. É difícil contradizer esse testemunho pois é um fenômeno emocional e, creio eu, espiritual também. Sim espiritual, porém não estou dizendo que vem de Deus, mas sim, do Diabo.

Os Mórmons ensinam que se você for sincero e se pedir a Deus por sabedoria como está escrito em Tiago 1.5, então Deus irá conduzi-lo à verdade. À primeira vista, o que poderia fazer mais sentido do que isso? Porém, existem vários motivos pelos quais essa forma de determinar a verdade é perigosa. A seguir, o motivo mais importante:

A Bíblia diz que para determinarmos a verdade precisamos examinar as Escrituras (ou seja, a própria Bíblia). Primeiro vemos em 2 Timóteo 3:16-17, que diz: “Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça...”. E então quando olhamos para Atos 17.11, que diz: “Os bereanos eram mais nobres do que os tessalonicenses, pois receberam a mensagem com grande interesse, examinando todos os dias as Escrituras, para ver se tudo era assim mesmo”. Se os bereanos comparavam o que o apóstolo Paulo dizia com as inspiradas Escrituras, deveríamos agir diferente com o Mormonismo ou com qualquer outra seita? Claro que não. Não se ora sobre a verdade; busca-se a verdade na Bíblia. E para começar, os mórmons estão indo contra a Bíblia e confiando em algo que não se pode verificar (exceto por suas próprias emoções subjetivas, nas quais a Bíblia diz para não confiarmos, Jeremias 17.9)

Livro de Mórmon X Doutrina Mórmon

O Livro de Mórmon não contém Mormonismo. Pode-se dizer que ele é mais cristão do que mórmon. A teologia mórmon abrange doutrinas como: diversidade de deuses; deus foi um homem; homens e mulheres têm a capacidade de tornarem-se deuses; porém, o Livro de Mórmon é basicamente cristão em seus ensinos.

As informações seguintes encontram-se no Livro de Mórmon. Compare-as com a doutrina Mórmon e veja as diferenças. Fica claro que o Mormonismo cresceu e foi sendo elaborado enquanto se desenvolvia. Não é internamente consistente e se auto contradiz.

O Livro de Mórmon

Doutrina Mórmon

Há somente um Deus.
Mosias 15:1,5; Alma 11:28; 2 Néfi 31:21.
Mormonismo ensina que existem muitos deuses.
Joseph Smith, Journal of Discourses, vol. 6, p. 5.
A Trindade é um único Deus.
Alma 11:44; Mosias 15:5; 2 Néfi 31:21.
A Trindade são três deuses distintos.
James Talmage, Articles of Faith, 1985, p. 35.
Deus é imutável.
Mórmon 9:9,19; Morôni 8:18; Alma 41:8; 3 Néfi 24:6.
Deus está crescendo em conhecimento.
Joseph Smith, Journal of Discourses, vol. 6, p. 120.
Deus é Espírito.
Alma 18:24,28; 22:9,11.
Deus tem a forma humana.
Joseph Smith, Journal of Discourses, vol. 6, p. 3.
O inferno é eterno.
Jacó 3:11; 6:10; 2 Néfi 19:16; 28:21-23.
O inferno não é eterno.
James Talmage, Articles of Faith, p. 55.
A poligamia é condenada.
Jacó 1:15; 2:23,24,27,31;3:5; Mosias 11:2,4; Éter 10:5,7.
A poligamia é ensinada e praticada.
Brigham Young, Journal of Discourses, vol. 3, p. 266.

12 Doutrinas Mórmons Essenciais não Encontradas no Livro de Mórmon

Se o Livro de Mórmon é “o livro mais correto de todos os livros sobre a Terra” (History of the Church, vol.4, p. 461), então por que ele não contém doutrinas Mórmons essenciais como:

  1. Organização da Igreja
  2. Pluralidade de deuses
  3. Pluralidade de esposas
  4. Palavra de Sabedoria
  5. Deus é um homem exaltado
  6. Casamento Celestial   
  7. O homem pode tornar-se um deus.
  8. Três níveis de céu [ou glória]
  9. Batismo dos mortos
  10. Progressão eterna
  11. O Sacerdócio Aarônico
  12. Rituais do Templo: lavagens, consagrações, investiduras, selamentos...

O fundador do Mormonismo afirmou que o Livro de Mórmon era o mais correto de todos os livros, incluindo a Bíblia (History of the Church, vol. 4, p. 461), e que o homem poderia chegar mais perto de Deus seguindo este livro em vez de qualquer outro livro. Contudo, doutrinas essenciais do Mormonismo nem são mencionadas nele.

Isso se deve porque o Livro de Mórmon não passa de um registro fictício feito por Joseph Smith. Somente depois que o livro foi impresso é que as demais doutrinas heréticas do Mormonismo começaram a  se desenvolver. É por isso que o Livro de Mórmon parece tão cristão –  à primeira vista.

 

Este artigo também está disponível em: Espanhol

 

 

 

 
 
CARM ison