O Inferno

Por - Matt Slick- Tradução David Brito

O inferno é um daqueles assuntos que deixam as pessoas desconfortáveis. Ouvimos histórias de o inferno ser um lugar de fogo, demônios, e tormento sem fim. Ao longo da história, muitos autores têm escrito sobre este tema - O inferno de Dante por exemplo. A cultura ocidental é muito familiarizada com o conceito. Até mesmo Hollywood  o tornou  tema de muitos filmes. Seja qual for o contexto, qualquer que seja a crença, o inferno é definitivamente ensinado na Bíblia. Mas mesmo a doutrina do inferno não é sem sua controvérsia. Alguns dizem que é apenas a sepultura sem consciência. Outros dizem que é um lugar de correção e punição que não é eterno. Outros dizem que é um castigo de agonia sem fim no fogo. Seja o que for o inferno é a ausência total do favor de Deus.

As palavras associadas ao inferno.

Gehenna
No AT a palavra para inferno é 'ge-hinnom ", que significa" vale de Hinom. "Era um lugar ao sudoeste de Jerusalém. Este lugar já foi chamado "Tophet "e é derivado de uma palavra aramaica que significa "lareira". Foi aqui que alguns reis pagãos praticaram sacrifícios humanos pelo fogo (2 Crônicas 28:. 3; 33:. 6; Jer 07:31; 32:35) . É muito provável que por esta razão no NT a palavra passou a ser associada a destruição pelo fogo. a palavra "Geena" é encontrada no NT 12 vezes e cada instância é falada por Jesus. no NT, "Geena" é usado para uma condição e nunca um lugar.

Hades
Esta palavra só ocorre dez vezes no NT e corresponde à palavra do AT "Sheol". Jesus usa o termo quatro vezes: Mt. 11:23; 16:18; Lucas 10:15; 16:23. Os outros seis ocorrem em Atos 2:27, 31; Rev. 1:18; 6: 8; 20:13, 14.Rev. 1:18; 6:8; 20:13, 14.

Foi provavelmente a "morada subterrânea de todos os mortos até o julgamento”. Ela era dividida em dois departamentos, o paraíso ou o seio de Abraão para os salvos, e Geena ou o inferno para os perdidos. (Lucas 16: 19-31), É o lugar dos mortos não salvos em estado de consciência.

Sheol
"A palavra hebraica Sheol é provavelmente derivada de uma raiz “lugar oco", e era visto como o receptáculo comum dos mortos e em várias passagens do Antigo Testamento está se referindo ao túmulo comum da humanidade. É mencionado em Gênesis 37:35; Num 16:30, 33; Salmo 16:10, etc. Sheol tem muitos significados nas Escrituras: a sepultura, o submundo, o estado dos mortos, Se supunha que este lugar ficava debaixo da terra. (Ez. 31:15,17; Sl 86:13).

Seria o inferno um local de tormento eterno consciente?

Existem alguns grupos cristãos e muitas seitas que negam a ideia de que o inferno, no sentido geral, significa o castigo eterno consciente. Alguns sustentam que o castigo eterno de Deus é a aniquilação ou não existência. Outros dizem que é temporal e que, eventualmente, todos serão salvos do inferno. Talvez a objeção mais comum seja que um Deus amoroso nunca iria punir as pessoas em tormento eterno. Concordamos que Deus é amor (1 João 4: 8), mas Ele também é justiça (Ne. 9: 32-33; 2 Tessalonicenses 1: 6.) E eterna (Salmo 90:. 2; 1 Tm 1:17) . Deus castiga o malfeitor (Isaías 11:13), e essa punição será eterna. Mas a questão permanece, é este castigo eterno consciente ou não?

Há versos que podem ser interpretados para apoiar a ideia de que os mortos não estão conscientes após a morte: (Ecl. 9: 5 - os mortos não sabem nada e Salmo 146: 4 - seus pensamentos perecem - são bons exemplos.) Outros versos comparam os mortos com o sono: Atos 13:36, 1 Cor. 15: 1-6; 1 Tes. 4:13, etc. Mas estes últimos versos estão meramente comparando a semelhança entre a aparência de alguém que está morto com alguém que dorme.

Os mortos estão conscientes após a morte

Os ímpios descem vivos ao Seol
Num. 16:30, "Mas, se o Senhor criar alguma coisa nova, e a terra abrir a boca e os tragar com tudo o que é deles, e vivos descerem ao Seol, então compreendereis que estes homens têm desprezado o Senhor. . .33  Assim eles e tudo o que era seu desceram vivos ao Seol; e a terra os cobriu, e pereceram do meio da congregação."

Lançados as trevas exteriores com choro e ranger de dentes.
Mat. 8:12, "Mas os filhos do reino serão lançados nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes.”

Aqueles lançados no fogo sofrem conscientemente
Mat. 13:41-42, " Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles ajuntarão do seu reino todos os que servem de tropeço, e os que praticam a iniquidade, 42  e lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá choro e ranger de dentes”  Veja também Mt. 13:50.

Atormentados no fogo
Rev. 14:9-11, “E seguiu-os o terceiro anjo, dizendo com grande voz: Se alguém adorar a besta, e a sua imagem, e receber o sinal na sua testa, ou na sua mão, Também este beberá do vinho da ira de Deus, que se deitou, não misturado, no cálice da sua ira; e será atormentado com fogo e enxofre diante dos santos anjos e diante do Cordeiro. E a fumaça do seu tormento sobe para todo o sempre; e não têm repouso nem de dia nem de noite os que adoram a besta e a sua imagem, e aquele que receber o sinal do seu nome.” Veja também, Rev. 21:8.

Lançados no lago de fogo.
Rev. 20:10, "E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde está a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre."
 

O inferno é um lugar de punição e fogo eterno.

Fogo que nunca se apaga.
Mt. 3:12 " Em sua mão tem a pá, e limpará a sua eira, e recolherá no celeiro o seu trigo, e queimará a palha com fogo que nunca se apagará."

Inferno de Fogo
Mt. 5:22, " Eu, porém, vos digo que qualquer que, sem motivo, se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e qualquer que disser a seu irmão: Raca, será réu do sinédrio; e qualquer que lhe disser: Louco, será réu do fogo do inferno." Mt. 18:8-9, " Portanto, se a tua mão ou o teu pé te escandalizar, corta-o, e atira-o para longe de ti; melhor te é entrar na vida coxo, ou aleijado, do que, tendo duas mãos ou dois pés, seres lançado no fogo eterno. E, se o teu olho te escandalizar, arranca-o, e atira-o para longe de ti; melhor te é entrar na vida com um só olho, do que, tendo dois olhos, seres lançado no fogo do inferno." Veja também, Mt. 5:29,30.

Fogo Eterno.
Mt. 25:41, "Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos."  Jd 7 “Assim como Sodoma e Gomorra, e as cidades circunvizinhas, que, havendo-se entregue à fornicação como aqueles, e ido após outra carne, foram postas por exemplo, sofrendo a pena do fogo eterno”

Punição Eterna
Mt. 25:46, " E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna"

A palavra "eterno" em ambos os locais é "aionios", que significa 1), Sem começo e fim, aquilo que sempre foi e sempre será; 2) sem começo; 3) sem fim, que nunca cessam, eterna. A palavra "castigo" é a palavra "kolasis" e significa punir, com a implicação de que resulta sofrimento grave - punir, punição.


Lançados no Lago de Fogo.
"E a besta foi presa, e com ela o falso profeta, que diante dela fizera os sinais, com que enganou os que receberam o sinal da besta, e adoraram a sua imagem. Estes dois foram lançados vivos no lago de fogo que arde com enxofre." Rev. 19:20

Lago de Fogo
Rev. 20:15, "E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo"

Lucas 16:19-31, O Rico e Lázaro.

Em Lucas 16: 19-31 Conta-nos  a história de Lázaro e do rico. Basicamente, Lázaro é um homem pobre que sofre durante a vida. Ele ficava na porta deste homem muito rico. Ambos morrem. O homem rico vai para Hades. Lázaro vai para o seio de Abraão, que é um outro termo para o paraíso. No Hades, o homem rico levanta os olhos e vê Lázaro ao longe. Ele clama a Abraão e pede misericórdia, porque ele está nas chamas em agonia Abrão diz que não. Então o homem rico pergunta se alguém dentre os mortos (no caso Lázaro) poderia subir e ir avisar seus irmãos para que também não acabassem neste lugar terrível. Abrão ensina-lhe que isso também não vai ser feito.

Alguns dizem que se trata de uma parábola. No entanto, se assim for, é única! Nenhuma outra parábola dá nomes a pessoas, pessoas que acreditam em nenhuma consciência após a morte ainda assim vão dizer que é uma parábola. A questão é se é uma parábola, o que está ensinando? Se o fogo do inferno é falso e se autoconsciência após a morte também é falsa, então Jesus está usando falsas doutrinas para ensinar a verdade?. Parábolas ilustram a verdade. Se for uma parábola, o que a consciência após a morte simboliza? Além disso, o que é que a agonia em chama simboliza? Eles não são reais? É claro que eles são.

Conclusão

O Inferno é real e não é apenas um estado de inconsciência. Também não é algo temporário, mas eterno tormento. Talvez seja por esta razão que Jesus falou mais do inferno do que do céu e gastou tanto tempo avisando as pessoas deste lugar terrível para que elas não terminassem ali. Afinal, se o inferno é apenas a não existência por que se preocupar tanto?  Se for somente por um período de tempo, mais cedo ou mais tarde acabarão saindo.  Mas pelo fato de ser eterno e em estado de consciência é que Jesus advertiu tão fortemente.

Disse Jesus, "Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno. E, se a tua mão direita te escandalizar, corta-a e atira-a para longe de ti, porque te é melhor que um dos teus membros se perca do que seja todo o teu corpo lançado no inferno" (Matt. 5:29-30).

 

 
 

About The Author

Matt Slick is the President and Founder of the Christian Apologetics and Research Ministry.