Jeová é Elohim

por Matt Slick

Na teologia Mórmon Deus não é uma  Trindade  A doutrina da Trindade é o ensino de que há um único Deus que existe em três pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo. Não há três deuses - apenas um. A doutrina da Trindade afirma que há um só Deus em todo o universo, em todas as dimensões, em todos os tempos, e sem fim. Deus é eterno, e nunca houve um momento em que ele não era Deus. Ele sempre foi completa e totalmente Deus. A Tríade é o ensino que há três deuses separados em um "Ofício" ou "posição". Mórmons frequentemente se referem a Deus desta maneira. Quando eles dizem Deus, podem estar se referindo ao Pai, a quem chamam Pai Celestial, ou a Divindade, o que, para eles, são três deuses separados em um ofício. Em outras palavras, o Mórmon define a Trindade como um deus chamado de Pai (também conhecido como Elohim e Pai Celestial), juntamente com o Filho (Jesus), e do Espírito Santo. O Mormonismo ensina uma Tríade e não uma Trindade.

A citação a seguir demonstra a posição Mórmon:

"Esta referência, então, para os três como um Deus, deve ser interpretado no sentido de que constituem uma Divindade ou Supremo Conselho, composto de três personagens distintas, o Pai, o Filho e o Espírito Santo... Que é muito estranho que o povo cristão pode se confundem e acreditam que o Pai, o Filho e o Espírito Santo são uma substância ou entidade."1

Além de ensinar que o Deus supremo é realmente três personagens ou deuses, o mormonismo também ensina que há muitos outros deuses na existência.

A teologia Mórmon têm erroneamente chamado Deus Pai de “Elohim.”

"... Deus, o Pai Eterno, a quem designamos pelo nome e título exaltado" Elohim ", é literalmente o Pai de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, e dos espíritos da raça humana."2

A Teologia Mórmon também declara que no Antigo Testamento Jesus também é conhecido como  "Jeová."

“Com este significado, como mostra o contexto em cada caso, o Senhor, que é Jesus Cristo, o filho de Elohim, é chamado de O Pai”, e até mesmo” o próprio Pai Eterno do céu e da terra."3

A crença de que Deus, o Pai é chamado de Elohim e Jesus é chamado Jeová não concorda com o que a Bíblia diz. Na realidade, em hebraico, a palavra para "Deus" é a palavra "Elohim". Da mesma forma, a palavra para o nome de Deus (Elohim) é "Jeová". Na Bíblia, quando a palavra "Senhor" aparece no texto hebraico, ele é processado como SENHOR (todas em maiúsculas) no texto Inglês. Além disso, a palavra hebraica "Elohim" é traduzida como "Deus".

Por favor, leve os seguintes versos em consideração;

Vós sois as minhas testemunhas, diz o SENHOR, e meu servo, a quem escolhi; para que o saibais, e me creiais, e entendais que eu sou o mesmo, e que antes de mim deus nenhum se formou, e depois de mim nenhum haverá. Eu, eu sou o SENHOR, e fora de mim não há Salvador. " (Isaías 43:10-11).

Este verso é importante porque se você ler o que ele está dizendo, eles afirmam que Jeová (Senhor é também conhecida pelos mórmons como Jesus) está afirmando que não haverá Deus (Elohim), formado depois dele. Mas este é um problema para os mórmons, uma vez que não poderiam estar dizendo que Jeová é o único Elohim. Em outras palavras, este versículo está dizendo que o Senhor (Jeová), é Elohim.

Vamos olhar em mais dois versos.

Assim diz o SENHOR, Rei de Israel, e seu Redentor, o SENHOR dos Exércitos: Eu sou o primeiro, e eu sou o último, e fora de mim não há Deus. (Isaias 44:6).

Neste versículo, Senhor é Jeová em hebraico. Jeová está dizendo que não há Deus (Elohim) além dele.

Não vos assombreis, nem temais; porventura desde então não vo-lo fiz ouvir, e não vo-lo anunciei? Porque vós sois as minhas testemunhas. Porventura há outro Deus fora de mim? Não, não há outra Rocha que eu conheça. (Isaias 44:8).

O contexto deste versículo é que Jeová (Senhor) é quem fala. Ele afirma aqui que não há Deus (Elohim) além dele. Ele está dizendo que ele não tem qualquer conhecimento  de qual outro Elohim (Deus), além de si mesmo
..Meu Ponto é que, o nome de Deus (Elohim) é Jeová (Senhor), e que o Senhor está dizendo que só ele é Deus. Em outras palavras, o Senhor está dizendo que só ele é Elohim. Portanto, a ideia mórmon de que Deus, o Pai é chamado de "Elohim" e que o filho é chamado de "Jeová" é totalmente errônea.O nome de Deus é Jeová, e os Mórmons, estão redondamente enganados.

Lembre-se, no texto hebraico SENHOR é igual a Jeová. Deus é igual a Elohim.

  • “A ti te foi mostrado para que soubesses que o SENHOR é Deus; nenhum outro há senão ele’” (Deut. 4:35).
  • “Para que todos os povos da terra saibam que o SENHOR é Deus, e que não há outro”(1 Reis 8:60).
  • “Sabei que o SENHOR é Deus; foi ele que nos fez, e não nós a nós mesmos; somos povo seu e ovelhas do seu pasto.” (Salmos 100:3).
  • "E farei passar esta terceira parte pelo fogo, e a purificarei, como se purifica a prata, e a provarei, como se prova o ouro. Ela invocará o meu nome, e eu a ouvirei; direi: É meu povo; e ela dirá: O SENHOR é o meu Deus." (Zac. 13:9).

Este artigo está disponível também em: Espanhol

  • 1. Selections from Answer to Gospel Questions, publicada pela primeira presidência da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos últimos dias, 1972, p. 10.
  • 2. Artigos de fé, by James Talmage, Desert Book Company, Salt Lake City, Utah. 1985, p. 421.
  • 3. Ibid.
 
 

About The Author

Matt Slick is the President and Founder of the Christian Apologetics and Research Ministry.